18th of August

Ezra Nawi e o Estado terrorista de Israel


Veja este vídeo:

O homem que foi preso tentando defender os barracos dos palestinos da demolição patrocinada pelo Estado de Israel é Ezra Nawi, um encanador israelense que se cansou de ver isso acontecer com esta população que está há 42 anos sob ocupação israelense.

O veredito de um juiz condenou Nawi por “perturbar a paz”.

Domingo passado houve mais uma audiência num tribunal israelense, na qual a ONG “Jewish Voice for Peace” entregou uma petição de 20 mil assinaturas de pessoas ao redor do globo que querem a absolvição de Ezra Nawi. Entre essas assinaturas está a do eminente cientista Noam Chomsky.

A ONG defende entre outras coisas o fim das vultosas quantias de dinheiro que os EUA dão a Israel sem especificar as finalidades – o que acaba financiando a indústria bélica.

Ezra tem sorte de ser israelense. Pelo menos 18 ativistas pacíficos palestinos estão na prisão, e só recebem direito de sair mediante pagamento de fiança aqueles que se comprometem a cessar seus protestos pacíficos. Alguns já pagaram com suas vidas – Bassem Ahmed Ibrahim Abu Rahma foi morto em abril passado por um tiro de gás lacrimogêneo à queima roupa.

A sentença de Ezra será dada no próximo 21 de setembro.

No fim do vídeo, ao ser preso, ele diz:

“Sim, eu também fui um soldado, mas eu não demolia casas. Tem muita diferença. A única coisa que vai restar aqui vai ser o ódio. Só ódio vai sobrar aqui. Engraçado, soldado? Que as crianças vão dormir de fora, é engraçado?”

Mais informações em www.freeezra.org e http://www.jewishvoiceforpeace.org/

  • Caro Eli:

    Creio que dos artigos que você tm escrito esse é o melhor ou um dos melhores. Parabéns!!!